Consulte aqui seu Processo:

Insira seu usuário e senha para ter acesso ao software jurídico

Notícias

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,86 3,86
EURO 4,32 4,32
PESO (ARG) 0,09 0,09

Webmail

Clique no botão abaixo para ser direcionado para nosso ambiente de webmail.

Saiu na Mídia: magistrados paulistas falam sobre temas de destaque nacional

Justiça Eleitoral e mídias sociais foram assuntos abordados.           Nesta semana, magistrados paulistas foram entrevistados sobre dois temas que ganharam relevância na imprensa nacional nos últimos tempos: julgamentos na Justiça Eleitoral e uso das mídias sociais pelos juízes. A coluna “Direto da Fonte - Sonia Racy”, do jornal “O Estado de S. Paulo”, abordou hoje (17) o julgamento de crimes comuns associados a caixa 2 pela Justiça Eleitoral. “A legislação é a mesma”, disse o presidente do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP), desembargador Carlos Eduardo Cauduro Padin, ao ressaltar que, assim como na Justiça Federal, a Eleitoral se valerá do Código do Processo Penal em inquéritos e ações que envolvam, por exemplo, corrupção e lavagem de dinheiro. O magistrado falou, ainda, de procedimentos legais e de inquéritos decorrentes da Lava Jato que estão sob responsabilidade do TRE paulista. Acesse o conteúdo da coluna.         Já o “Jornal da Cultura”, nesta quinta-feira (16), tratou do uso de redes sociais por magistrados. Entrevistado, o juiz assessor da Presidência Leandro Galluzzi dos Santos falou sobre o tema: “Como a carreira, em geral, pede que o juiz seja discreto, a gente se mantém distante das redes sociais”. Na sequência, o presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), juiz substituto em 2º grau Jayme Martins de Oliveira Neto, também foi entrevistado: “Nós temos uma preocupação, de um lado, com os riscos que a rede apresenta, por outro, em resguardar o direito de expressão da Magistratura”. Assista ao vídeo da reportagem.                    imprensatj@tjsp.jus.br
17/05/2019 (00:00)
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.